DOURADOS ONLINE - PI 60 - ITAPORA

Na Assembleia, Barbosinha e Zé Teixeira pedem asfalto e recapeamento para estradas na região de Dourados

Barbosinha e Zé Teixeira foram categóricos ao lembrar que as obras são fundamentais para o crescimento econômico da região

Por Redação em 18/06/2021 às 09:06:55

Na Assembleia, Barbosinha e Zé Teixeira pedem asfalto e recapeamento para estradas na região de Dourados


Os deputados Barbosinha e Zé Teixeira reforçaram, na sessão desta quinta-feira (17) da Assembleia Legislativa, a necessidade de complementação do trecho de 21 quilômetros para integrar a rodovia MS-156 com o Distrito Industrial de Itaporã, no trecho conhecido popularmente como "rotatória da Coca-Cola", até a Avenida Guaicurus, na rodovia MS-162, em frente ao 28° Blog, o Batalhão logístico do Exército Brasileiro, em Dourados.


Os parlamentares do Democratas mostraram, novamente, na sessão remota, a preocupação com essa obra que visa atender um pleito antigo dos moradores e produtores rurais da região, que sonham com a pavimentação asfáltica da estrada vicinal. Segundo o deputado Barbosinha, a rodovia se tornará o principal acesso do município de Itaporã, ao aeroporto de Dourados, a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - UEMS e a fronteira com o Paraguai.


Além de ser um dos principais acessos ao Distrito Industrial de Dourados, ao distrito de Cristalina, a MS-156 também dá acesso a usina do grupo Raízen, unidade produtora de Caarapó, no sentido contrário; ou seja, o asfalto que falta ser feito no trecho de 21 Km impactaria diretamente na economia de, no mínimo três cidades: Itaporã, Dourados e Caarapó.


Barbosinha lembra que a obra vai criar comunicação direta dos municípios de Dourados e Itaporã. "Além disso teremos acesso direto de Itaporã a uma rota aérea nacional, além de reduzir o trajeto do município para os moradores que trabalham no Batalhão do Exército e estudam na Cidade Universitária da nossa Dourados. Sem contar que se trata de uma medida extremamente importante para garantir mais acessibilidade, mais segurança e qualidade de vida daqueles que transitam pela região", descreveu.


Na avaliação do deputado Zé Teixeira, as obras irão beneficiar, e muito, Itaporã e a população do município, incluindo o anel viário que liga a cidade ao distrito de Panambi. "Sempre quando há problema na Reserva Indígena, quando temos essa rodovia interditada, essa é a via mais utilizada, principalmente pelos produtores. É uma alternativa extremamente necessária", defendeu Zé Teixeira.


Após o deputado Barbosinha ter apresentado novamente a indicação solicitando ao Governo do Estado a pavimentação da MS-156, o deputado Zé Teixeira endossou o pedido e solicitou que o Executivo possa executar outra obra de igual importância para a região: o recapeamento do trecho que liga a MS-156 ao distrito de Santa Terezinha, imprescindível para o setor produtivo da região. "Há seis anos estamos pedindo pela recuperação deste trecho. Operações tapa-buraco não têm solucionado o problema. Precisa ser efetivamente asfaltada novamente. Uma obra feita há muitos anos, ainda no governo do Wilson Barbosa Martins, coloca hoje em dia essa via totalmente deteriorada", lembrou o deputado.


Barbosinha e Zé Teixeira foram categóricos ao lembrar que as obras são fundamentais para o crescimento econômico da região, uma vez que essas estradas recebem diariamente o fluxo de boa parte da produção agrícola local. "O produtor rural, as empresas cerealistas e frigoríficos da região têm contribuído muito com o Fundersul. É uma carga tributária extremamente excessiva nas diversas esferas (municipais, estaduais e federais) e essas estradas são uma forma de devolver ao contribuinte o que ele tem pago", enfatizou o deputado Zé Teixeira.


Barbosinha ainda fez questão de lembrar, durante sua fala, que essa região é uma das mais produtivas de Mato Grosso do Sul. "É um lugar de gente muito trabalhadora. Neste momento em que o produtor, o setor do agronegócio, tem sido a locomotiva que segura o país, nada mais justo que a gente leve o pavimento até a área rural e não concentre os esforças apenas no asfalto das cidades. É o asfalto integrando as pequenas comunidades, as regiões produtoras com o desenvolvimento do nosso Estado", finalizou. A solicitação foi encaminhada ao governador Reinaldo Azambuja e ao secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel.

Fonte: Assessoria

Comunicar erro

Comentários