Jovem organiza festa clandestina e acaba preso pela Guarda Municipal em Dourados

Jovem organiza festa clandestina e acaba preso pela Guarda Municipal em Dourados

Durante os trabalhos de fiscalização da Guarda Municipal de Dourados, por meio da operação ‘Carnaval sem Covid’, mais uma festa clandestina foi descoberta pelos agentes na noite de ontem (15). O evento acontecia num clube de lazer localizado na Sitioca Campo Belo III.

As denúncias da ‘festinha’ relatavam a perturbação do sossego e o descumprimento das medidas sanitárias em relação ao Novo Coronavírus.

Quando as equipes da GMD chegaram ao local, os participantes trancaram o portão principal da chácara e vários jovens começaram a fugir pelos fundos.

O organizador da festa clandestina, um jovem de 24 anos foi preso, e segundo seus relatos, estava cobrando R$ 30 dos participantes para custear as despesas da locação e a compra das bebidas alcoólicas.

Ele contou que era aniversário de um amigo, porém o próprio amigo desmentiu a história. Outras três pessoas também foram encaminhadas à Delegacia de Polícia Civil, juntamente com a aparelhagem de som apreendida.

Em outra ação, um jovem de 19 anos também foi preso. Uma equipe da Guarda Municipal recebeu denúncias que pessoas estariam realizando festas e escutando música em altíssimo volume.

No local um jovem começou a tumultuar a abordagem e questionar os procedimentos de orientações das pessoas em relação à prevenção da pandemia da Covid-19. O acusado alegava que a equipe não poderia estar fiscalizando esses tipos de ocorrências e disse, “vocês não sabem com que estão mexendo”, e chegou a afirmar que “hoje é dia do golpe, de fazer maldade”.

Diante do tumulto gerado, o rapaz foi preso e também encaminhado à Delegacia.

Os envolvidos vão responder na justiça pelo ART. 268 CP “Descumprir Medida Sanitária para contenção de pandemia”.

Com informação do Ligado na Notícia